Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Neta da Luísa

A Neta da Luísa chama-se Bárbara. Tem 23 anos e um gosto incalculável pela escrita, moda, lifestyle e beleza. Não é uma expert em nenhum dos assuntos, mas tem uma paixão imensa por todos eles.

A Neta da Luísa

O fim de semana prolongado deste mês... nem sabem o bem que me fez!

Ao fim de umas boas semanas, cá estou novamente. 

 
Sei que não há muito que justifique a minha ausência da escrita ao longo destes últimos tempos, mas a inspiração tem-me faltado e outras preocupações têm ocupado, de forma mais intensa, todos os cantinhos da minha mente. Desde o relatório de estágio, ao estágio propriamente dito, à ocupação com os animaizinhos cá de casa, à morte da minha gata White ... Enfim... Fases menos boas a que, acredito, ninguém escapa.
 
No entanto, não estou aqui para vos falar dos meus dramas, problemas e ansiedades... Mas sim do meu fim de semana.
 
Depois de uma semana dedicada ao relatório de estágio...
 

IMG_20160608_102850.jpg

 

 
... Aproveitei o fim de semana prolongado para tentar fazer uma pausa em todas as rotinas da minha vida: alheei-me das preocupações, desliguei-me dos problemas, fiz um reset no pensamento e, tentei, simplesmente, desfrutar destes dias de folga e das coisas simples, mas tão boas, que a vida tem para oferecer. 
 
Na sexta feira levantei-me ainda antes das seis da manhã para ir ter com os meus pais e familiares a Leça da Palmeira, a fim de seguirmos para o Gerês para fazer um piquenic. Eu não conhecia o Gerês. Não é que agora possa dizer que o conheço, mas pelo menos, já não sou tão ignorante quanto antes. Parámos pelo caminho, nas termas de Caldela, para visitar o lugar e ainda aproveitámos para trazer água. É um sítio lindo, que aconselho todos que lá passem a visitar.
 

IMG_20160610_104042.jpg

IMG_20160610_103507.jpg

IMG_20160610_105612.jpg

IMG_20160610_103620.jpg

 

Prosseguimos caminho, até pararmos no nosso destino: a nossa Senhora da Abadia, no Gerês. Nunca a natureza me fez tão bem! Realmente, respirar o ar puro faz-nos sentir uma paz imensa e a tranquilidade que se sente naquele lugar não tem explicação possível de se traduzir por palavras. 
 

IMG_20160610_120852.jpg

IMG_20160610_121711.jpg

IMG_20160610_121811.jpg

IMG_20160610_122405.jpg

IMG_20160610_155508.jpg

IMG_20160610_155844.jpg

IMG_20160610_161524.jpg

IMG_20160610_162057.jpg

IMG_20160610_162716.jpg

IMG_20160610_162829.jpg

 À chegada a casa, o sonho ganhou a batalha e nem sequer jantei. Algumas horas de viagem e uma subida para explorar o monte fez-me render ao cansaço. Mas um cansaço que valeu super a pena. 

No sábado ignorei o despertador e não estipulei horários. Acordei tarde, tomei o pequeno almoço tarde e andei a vaguear pela casa entre pequenas tarefas domésticas - com os pais fora, há que assumir o comando. E até mesmo isso soube bem.

IMG_20160611_121009.jpg

Fui às compras e aproveitei o fim da tarde para dar uma passeio até à Barra e lanchar um waflle que me soube pela vida, mesmo à beira da praia. Entre isso e o desfrutar, sentada no muro, da brisa do mar... Não sei o que me soube e fez melhor. 

IMG_20160611_174707.jpg

IMG_20160611_173712.jpg

IMG_20160611_174350.jpg

IMG_20160611_175936.jpg

IMG_20160611_182927.jpg

 

Entre jantar e passar umas fotografias para o computador, vi mais um dia por terminado.
 
Domingo deixei-me dormir até à hora que o corpo pediu. Aproveitei a manhã para dar uma limpeza à casa (mais uma vez, pais fora...!). Almocei e acabei o Domingo num fim de tarde fantástico, numa sunset party num bar aqui da zona. Uma caipirinha e música alegre... Que mais poderia pedir para terminar bem o fim-de-semana?
 
 
 
Hoje, é dia de voltar à rotina, e vou já já enfiar a cabeça no meu relatório. Eu bem espero que ele desenvolva sozinho, mas parece que ele não quer...
Agora, é fazer os possíveis para que as boas energias do fim-de-semana não se esgotem em mais uma semana. Vamos tentar fazê-las render com doses de optimismo, calma e paciência. Vivendo um dia de cada vez... !
 
 
Beijinhos a todos!